Missão Jovem reúne alunos em busca da solidariedade

Publicado em 14.09.2018 - Destaques, Notícias - Sem comentários

Como já é tradição no Colégio Sagrado Coração de Maria de Brasília, os alunos partiram em busca da solidariedade e estão levando o sentido da palavra “missão” ao pé da letra. Missão é encargo, incumbência ou desempenho de um dever. Para eles, o dever é simples: doar a si mesmo, em prol de um objetivo em comum — o plantio da semente da filantropia.

Nessa quinta-feira, dia 13, os missionários conheceram o Projeto Raio de Luz, uma creche em São Sebastião. Eles se dividiram em restauradores para consertar um parquinho, agricultores para plantar alface e pintores para decorar pneus. Eles enfrentaram uma manhã seca e ensolarada, típica do Cerrado, e permaneceram com um bom-humor típico de quem faz aquilo de que gosta. Pela tarde, o momento foi dedicado a relembrar a infância em conjunto com as crianças do projeto e, por mais que esperassem ajudar, terminaram o dia concluindo ter aprendido muito e recebido carinho de forma memorável.

missao_jovem_2018_scm-91

Hoje, sexta-feira, dia 14, o trabalho começou cedo. Depois de uma noite na qual todos desfrutaram do prazer de fazer o bem como uma equipe, dormindo no Projeto Vida, o grupo se dirigiu ao Lar dos Velhinhos Bezerra de Menezes e está conhecendo a realidade deles, bem como suas histórias e suas experiências. Os alunos foram divididos em duas equipes. A primeira, liderada pelo artista Chico do Instituto Metamorfose, ficou responsável pela revitalização dos muros do Lar, adicionando arte à vida dos residentes. A segunda equipe saiu para um passeio matinal realizado toda sexta-feira, com os idosos, à feira local, onde puderam visitar as bancas e participar do momento de musicoterapia, com canções que remetem ao passado e à origem destes.

A aluna Piera Masoero, da 1ª Série A, quando questionada a respeito do impacto da Missão Jovem em sua vida, afirmou perceber a diferença entre duas idades completamente diferentes, a infância e a terceira idade, além de vivenciar (e notar) realidades distantes da que vive. Ressaltou, ainda, a importância de realizar uma atividade como essa ao menos uma vez na vida, já que muitos se gabam de fazer grandes viagens e passeios, por que não experenciar a vida do outro, por, pelo menos, um dia? Isso é algo fundamental para o desenvolvimento social, segundo Piera.

Confira mais fotos!

  • missao_jovem_2018_scm-178
  • missao_jovem_2018_scm-165
  • missao_jovem_2018_scm-164
  • missao_jovem_2018_scm-160
  • missao_jovem_2018_scm-158
  • missao_jovem_2018_scm-148
  • missao_jovem_2018_scm-142
  • missao_jovem_2018_scm-127
  • missao_jovem_2018_scm-119
  • missao_jovem_2018_scm-114
  • missao_jovem_2018_scm-109
  • missao_jovem_2018_scm-107
  • missao_jovem_2018_scm-99
  • missao_jovem_2018_scm-91
  • missao_jovem_2018_scm-87
  • missao_jovem_2018_scm-82
  • missao_jovem_2018_scm-79
  • missao_jovem_2018_scm-65
  • missao_jovem_2018_scm-46
  • missao_jovem_2018_scm-35
  • missao_jovem_2018_scm-33
  • missao_jovem_2018_scm-23
  • missao_jovem_2018_scm-14
  • missao_jovem_2018_scm-1